Coleta
abril 26, 2012 Artigos de E-commerce

Dicas de marketing no Foursquare



Algumas dicas de marketing no Foursquare

As últimas semanas trouxeram duas novidades muito importantes para o mundo mobile. A primeira diz respeito ao número de celulares ativos no Brasil: alcançamos a expressiva marca de 250 milhões de unidades, ou seja, mais de um aparelho por habitante. A segunda é sobre o Foursquare, o aplicativo de geolocalização móvel mais cool do planeta, que superou os 20 milhões de usuários no mundo e 2 bilhões de check ins.

Juntando as informações contata-se o óbvio: o mobile marketing não pode ser encarado mais como uma experiência, uma ação de publicidade alternativa, como, infelizmente, muitas empresas brasileiras ainda fazem. Não diz uma das máximas do marketing que sua empresa tem que ir aonde seu consumidor está? Pois bem. Saiba que seu consumidor está no celular e ele é usuário ativo do Foursquare. Se ainda não é, será.

Entre milhares de aplicativos disponíveis, o 4square se destaca por ser uma rede social que une, em tempo real, experimentações on e offline, pois o consumidor geralmente o usa quando está fora de casa, em um restaurante, uma academia, uma escola, um posto de gasolina, um supermercado, uma danceteria, um estádio, etc. Ou seja, para a empresa, a possibilidade de se relacionar com o consumidor dobra.

O Foursquare já oferece mecanismos-padrão para a ativação de campanhas promocionais, os Specials. São 7 ao todo: Check-in, Loyaltie, Swarm, Friends, Flash, Newbie, Mayor. As formas são diferentes, mas todos consistem na troca do check in do consumidor por uma recompensa. No Brasil, um dos cases mais conhecidos é do Spoleto, que fornece gratuitamente um prato especial para o Mayor (o prefeito, ou seja, o usuário que mais fez check ins) da semana.

Mas isso não basta. O Fourquare Marketing exige mais do ponto de vista estratégico, é preciso potencializar o relacionamento com o o consumidor. Lembre-se: há um 4square user na sua empresa, que usou o aplicativo para avisar aos amigos onde está. Ele pode apenas ter feito o check in, mas pode também postar uma foto ou comentário (positivo ou negativo, que ficarão lá para sempre). O que você vai fazer com essa informação?

Abaixo, 5 dicas de como desenvolver o Fourquare Marketing

1) Seja Foursquare Friendly: apesar de ser um ferramenta que explora as sinergias do on e do offline, são poucas as empresas que comunicam seus Specials no mundo físico.  Crie um ambiente amigável para os usuários da ferramenta. Incentive-os a fazer o check in, colocando displays e adesivos pelo estabelecimento, principalmente na entrada. Se for um restaurante ou café, inclua o logo do aplicativo no menu.

2) Responda aos comentários: mídias sociais são conversas. Portanto, não deixe de responder aos comentários, principalmente os negativos! Leia as críticas e, de preferência, entre em contato com os autores. Procure entender o motivo da reclamação. Avalie a possibilidade de convidar o cliente para retornar ao seu estabelecimento. Se ele topar e verificar que o problema apontado foi solucionado, as chances dele virar um admirador da marca aumentam.

3) Treine sua equipe: de nada adianta realizar promoções se seus funcionários não tem a mínima ideia do que é o 4square. Explique detalhadamente o modo de funcionamento do aplicativo e a metodologia de premiação. Só ative uma campanha depois de todos estarem devidamente treinados.

4) Faça campanhas além dos Specials: nada impede que você crie alternativas de premiação para os 4square users.  Uma possibilidade é premiar o usuário que fazer check-ins obrigatoriamente com fotos (postagens com imagens costumam ter mais engajamento). Por exemplo: uma academia pode dar um desconto na mensalidade para quem fizer check in durante 1 semana com fotos das aulas. Uma ótima maneira de fazer publicidade.

5) Monitore sempre: os proprietários de venues (locais) no Foursquare tem acesso ao quadro estatístico, que mostra a quantidade de check ins, o percentual de compartilhamento no Facebook e no Twitter, horários de pico e idade e sexo do usuários. Mas o melhor mesmo é monitorar em tempo real os check ins e comentários dos usuários para poder desenvolver ações em tempo real.


Fonte: Coletivo Mídia Boom

Artigos Relacionados

Quer saber mais? Faça uma Busca no Site

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>